Apartamento preto e branco

decoração preto e branco

Uma casa ou apartamento todo com decoração preto e branco talvez fique monótono , meio sem vida, mas quando se adota este conceito para o design de interiores quase que automaticamente se escolhe alguma peça, que pode se tornar a principal da cena ou não, para destacar e valorizar a “monotonia” do ambiente.

Uma outra maneira de “quebrar” o preto e branco é através do próprio design do mobiliário escolhido.

No caso desta sala de jantar, temos ambos. Temos um pendente sobre a mesa com um tom caramelo ao mesmo tempo que tem um designer renomado como o autor do seu desenho, Poul Henningsen. E o mobiliário também não fica atras! Mas vamos por partes como sempre faço aqui no blog, vamos analisar a cena quase como se analisa um quadro.

CORES

Bom, obviamente Preto e Branco, certo? Não, não tudo , como mencionei antes temos umas “pitadas” de cor quente para valorizar todo o resto que segue em Preto e Branco.

A cor quente esta no pendente, vou deixar para falar dele depois em Iluminação.

Agora vejam que sobre o móvel tipo buffet tem uma peca de cerâmica azul que imita um coral azul e a fotografia na parede que também umas nuances de azul e ocre bem sutis.

Este apartamento é em Sydney, Australia e tem a designer de interiores Sarah Davison como autora do projeto de decoração e talvez tenha usado esta peça para remeter a algo do próprio país, uma referencia a vastidão de corais que são encontrados no seu mar.

A cena em resumo tem a decoração preto e branco, preto no piso e mobiliário branco basicamente, porém usou de um tom mais quente no pendente, um tom frio em uma peca de decoração porém de forma bem sutil e a fotografia sobre o buffet também possui uns tons azulados e outras cores que vão para um marrom na imagem da paisagem.

decoração preto e branco

MÓVEIS

Grandes estrelas do design de móveis compõem a sala de jantar. Florence Knoll (mesa) e Eero Saarinen (cadeiras). Todos, tanto a mesa, quanto as cadeiras e buffet são na cor branca e entram em contraste com o piso preto (uma tábua corrida ebanizada). É aquela sensação fria mas que em um estante depois muda para uma sensação mais aconchegante e mais agradável, eu diria.

decoração preto e branco

Cadeiras: 1. New sem braço – Líder Interiores  l 2. Tobogã – ,Ovo l 3. LC7 – Montenapoleone

decoração preto e branco

Mesa de jantar: 1. Legg – Jader Almeida – Sollos l 2. BQ18-01 – Casual Móveis

ILUMINAÇÃO

O pendente sobre a mesa além fazer o foco da iluminação para a area de refeição também tem um grande peso em termos de presença e destaque tanto devido ao seu desenho quanto devido a sua coloração , difícil até mesmo de definir sua cor, porem facilmente vista como uma cor “quente” e assim faz o papel de “quebra” a monotonia da decoração preto e branco.

Este pendente se chama Artichoke e foi criado pelo designer dinamarquês Poul Hennigsen na década de 50 especialmente para um restaurante em Copenhagen , suas folhas são colocadas manualmente para garantir um efeito de luz livre de ofuscamento para que o olha.

Selecionei outras opções que possuem características técnicas próprias para iluminação de mesa mas que também visualmente teria aquela função de “quebrar” a decoração preto e branco, tanto pela suas cores tanto por seu efeito de luminosidade.

decoração preto e branco

Pendentes: 1. Atto – Lumini l 2. Tatou – Patricia Urquiza – Flos l 3. Propt Light Round – Novo Ambiente

FOTOGRAFIA

A fotografia sobre o buffet reflete uma paisagem noturna, deixando a imagem mais densa e bem escura mas não completamente negra, é como se até a luminosidade do pendente refletisse um pouco nela fazendo vibrar de maneira bem sutil os tons de marrom e também de azuis bem profundos.

Estas pequenas aberturas de cores na obra de arte fotográfica deixa a sala de jantar com mais profundidade e proporciona até um certo mistério devido a penumbra da sua imagem.

Acredito que as fotografias dos fotógrafos , Valentine Sullivan e Ricardo Oliveira, que selecionei iriam cumprir alem do papel estético de compor o ambiente também traria, despertaria alguma curiosidade em quem as admirasse , curiosidade sobre que lugar seria aquele e sob quais emoções o os autores estariam passando naquele dia do registro daquele momento.

decoração preto e branco

1. Valentine Sullivan l 2. Ricardo Oliveira

Como eu poderia explicar de maneira bem sucinta a cena da sala de jantar com decoração preto e branco de hoje?

Eu diria que usar apenas preto e branco não daria ao ambiente os contrastes que proporcionaram a harmonia , charme e o efeito visual agradável . Agradável de forma que mesmo com o uso de cores bem limitados a sala consegue através do moveis escolhidos e da pinceladas mais quentes atrair e despertar o interesse de ficar a quem visita-la e claro a quem ela pertence (risos).

Então, mesmo optando por apenas preto e branco se termina de alguma forma usando outras cores por menor que sejam as suas pinceladas. 😉

Até o proximo post!

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>