Monocromia

monocromia

A monocromia quando usada em ambientes pequenos nos dá a sensação de estarmos em um espaço maior , isto porque a paleta de tons se mantendo em variações de uma única  cor, mesmo com materiais e texturas diferentes, proporciona uniformidade e consequentemente ilusão de amplitude.

Este projeto do  designer Michael Temnikov consegue, alem disto, fazer com que materiais simples como o concreto , a madeira lavada e o ferro, aliados a um desenho limpo e funcional,  formem um espaço sofisticado e contemporâneo.

Nao é a primeira vez que trago um post sobre cozinha aberta, mas neste gostaria de enfatizar basicamente este tipo de solução em casas/apartamentos pequenos  que somada a monocromia , na minha opinião, faz  estes espaços  “crescerem”!

CORES

As cores , notem , são neutras, elas não saem da margem do branco, “off white”, cinza, bege e preto nos detalhes ,como na estrutura da estante, cadeiras e sofá.

MATERIAIS

TÁBUA CORRIDA

Nao dá para saber ao certo se o piso é madeira natural clareada, esbranquiçada ou um vinilico com esta aparência, mas o que gostaria de enfatizar é a maneira como foi usado este material em conjunto com os demais.

Tanto o piso quanto as paredes da área da cozinha receberam este acabamento, e ele possui um tom bem claro, acizentado, esbranquiçado, similar ao cinza do concreto que esta presente no teto, na parede de fundo da bancada da cozinha e na base da mesa. Na parede as réguas possuem larguras diferentes e entre um e outra há um friso de milímetros o que valoriza esta diferença de medidas.

CONCRETO APARENTE

A laje em concreto aparente dá a rusticidade neste espaço, mas de maneira muito sutil, quase imperceptível , de maneira antagônica, pois é delicada . Ok, nem sempre  encontramos o concreto em bom estado nos espaços, mas vale tentar descascar um forro e ver, principalmente no prédios antigos, que já temos que usar iluminação de sobrepor na laje , por exemplo. Podemos  também fazer uma alusão  a este material e usar acabamentos que além de ter uma aparência similar possuem características que proporcionam praticidade no seu uso. Alguns exemplos: Uma simples pintura em tom cinza e Concresteel (material com aspecto de concreto).

A grande brincadeira está em contrapor um material rústico com a delicadeza do desenho do mobiliário e de outros acabamentos.

MOVEIS

MESA

Com estrutura  de concreto e o tampo em madeira igual a usada nas paredes, a ideia do desenho da mesa é que ela funcione como  um divisor entre os espaços, sirva de apoio para a cozinha, mas também seja a mesa de jantar, favorecendo assim a multifuncionalidade do espaço.

CADEIRAS

Cadeiras com estrutura leve, vazada, de ferro e desenho simples interagem perfeitamente no ambiente , seguindo a linha proposta para o espaço .

ESTANTE

Seguindo a monocromia , a estante desenhada para o espaço possui como estrutura o ferro torcido e prateleiras em madeira, a mesma usada para todo o espaço.

Mas  percebam que as prateleiras são bem delgadas tornando o móvel leve e “despretensioso”.

ILUMINAÇAO

PENDENTES

Os pendentes feitos em concreto não chegam para se destacarem, mas para fazerem parte do ambiente, se misturando `a paleta de cores e materiais. O efeito ,ao meu ver, é como se não soubéssemos de onde vez a luz e apesar destas peças terem um desenho extremamente sofisticado,“limpo”, e são estas que mais gosto, chamam atenção pela simplicidade  do desenho e bom uso da forma e do material.

Separei algumas peças que possuem também  estas características.

Para fechar a observação da cena: a  sensação que este espaço proporciona  é que tudo se confunde, objetos, moveis ,  revestimentos , todos estão em completa unidade . Alguns de vocês podem achar monótono ou ate mesmo frio, mas o que chama atenção mesmo é como matérias tåo simples formaram um espaço sofisticado e “amplo”, tamanha foi a correta a sua utilização  e a leveza das suas formas.

2 Comentários

  1. 1

Deixe uma resposta

Seu e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>